Notícias

Comércio de Atibaia todo aberto, povo feliz ! Cidade vira exemplo ao país!

Por   | 

Atibaia é a primeira cidade na região a conseguir na Justiça o Direito dos comerciantes permanecerem abertos. A outra cidade próxima é Extrema, mas no caso trata-se de Minas Gerais onde o governador não praticou o Lock-Down (tudo fechado). O blog passeou pelas ruas da cidade, e encontrou comércio funcionando normalmente e as ruas lotadas, mas sem aglomerações e cumprindo de forma muito responsável as determinações das autoridades médicas e sanitárias do município .

Luiz Fernando Pugliesi, do Dem, empresário e político, foi o primeiro nome em toda região a defender os comerciantes, para assim evitar a falência dos mesmos, tanto dos pequenos como médios comerciantes. A diferença da posição de Pugliesi é que ele considera a doença gravíssima, e jamais disse que o Coronavírus não existe. Mas ao mesmo tempo em que luta em favor do segmento, defende também que haja rigidez em normas técnicas para prevenir a disseminação do Covid 19. Ou seja, é a única voz política a se levantar procurando tanto a sobrevivência de centenas de lojas, como também preocupado com a disseminação do vírus. Robertinho Alvesmaq, juntou muitos comerciantes e na primeira reunião convenceu Pugliesi da necessidade de uma abertura, com conscientização, tendo em vista a perigosa doença.

Entrevistamos Pugliesi, que salientou a importância do uso de máscaras, (após a sugestão de Pugliesi, o prefeito determinou a obrigatoriedade do uso no município) e do álcool gel, lavar as mãos a todo momento e evitar sair de casa ao máximo. Luiz Fernando é um progressista.

População está ajudando nossos comerciantes a não quebrarem, diz Pugliesi

Ele lembra que o comércio aberto para que os micro empresários possam sobreviver é muito importante, disse na tele-conferencia: “Fico muito, muito feliz que as pessoas estejam usando as máscaras e se cuidando”, ressaltou; “Gostaria que Atibaia contasse com barreiras sanitárias em todas as entradas da cidade, com supervisão da nossa excepcional Guarda Municipal e técnicos de enfermagem”, afirmou:

Robertinho AlvesMaq – coordenou a primeira reunião pró abertura. Foi o líder comunitário na defesa dos comerciantes

“Os comerciantes estão cumprindo com rigor o que foi determinado, estão disponibilizando distanciamento, deixam poucos clientes entrar nas lojas, e vejo álcool gel em todos os locais. Parabéns Atibaia. Nossa cidade conta com cerca de 40 casos confirmados, mas ao mesmo tempo, 30 estão recuperados. Para o porte da cidade, estamos com 10 casos ativos. É muito, é. Mas perto de outras cidades ainda estamos sob controle. A proporção de casos para o tamanho de Atibaia indica que a secretária de Saúde, Maria Amélia, está rígida no controle. Acho que tudo vai passar, peço a todos que se cuidem, nossas orações são imprescindíveis, e maio é o problema, atenção redobrada, junho talvez melhore. Temos que colaborar e ajudarmos nossos profissionais de Saúde, médicos, enfermeiros, policiais, que estão todos atuando por nós, e se Deus quiser Atibaia, unida, apoiando nossos guerreiros comerciantes, todos nós juntos, unidos, iremos sobreviver ao flagelo dessa doença malígna”.

Toda Luz, a elétrica número 1 toma todas as precauções

Pugliesi: “distanciamento é importantíssimo”

Droga Rio, melhor farmácia de Atibaia atendendo com precauções

A prefeitura de Atibaia em divergência com o Ministério Público, ganhou o direito de que os comerciantes permaneçam abertos. A sentença foi vitoriosa em primeira instância, e posteriormente o MP recorreu, perdendo novamente. Os desembargadores consideraram que o comércio pode permanecer aberto, desde que a fiscalização para coibir os abusos seja vigilante. Pugliesi terminou a reportagem elogiando os motoboys, que estão fazendo toda diferença nessa pandemia; “Quem puder reforçar a caixinha é uma boa para ajudarmos a todos”.

Fernando Lorenzetti

Jornalista e colunista social. Passou por vários veículos de Imprensa, e atua como profissional de mídia, em redes sociais e no mercado editorial de revista. Por 10 anos assinou a coluna social do jornal Diário do Povo, em Campinas. Trabalhou na revista Metrópole do Correio Popular de Campinas, onde também pilotou o programa de TV " Festa, com Fernando Lorenzetti ", na Band, Rede Bandeirantes de Televisão. O jornalista colaborou com os mais importantes veículos de comunicação do país. Está no Instagran: @lorenzettifernando

Você deve estar logado para comentar Login

Deixe um comentário