Notícias

Ex-prefeito perde apoio e entra solitário em 2022

Por   | 

Com tanta confusão – com Deus e todo mundo- , como é que o ex-prefeito vai sair dessa ?

Brigou e briga com muita gente. Além do estilo briguento a maior reclamação é justamente o que se considera o pior – NÃO CUMPRIR O QUE FALA. Essa característica marcante do ex-prefeito Saulo é pouco comum na política. E sem o poder da caneta muita gente acabou se afastando de Saulo Pedroso. Outros sumiram em razão de tanto diz-que-me-disse, contenda, barraco e confusão. Saulo tem afirmado que quer ser deputado, para talvez conseguir FORO PRIVILEGIADO e assim se livrar dos processos. O que não é muito provável. Terá também uma tarefa dificílima de reconstrução de relacionamentos, se é que vai conseguir diálogo com tantas vítimas, e ainda assim caso se candidate poderá ter menos votos que a própria esposa, que obteve 25.629 votos, isso quem garante são diversos analistas! Aliás a Simone se expõe menos e é um pouco menos beligerante, – embora pareçam de verdade ter nascidos um para o outro. Um guarda civil tem afirmado que o ex-amigo mudou e que anda arrogante e insuportável, o que de fato é verdade. Já um empresário confidenciou que o comum quando um prefeito elege seu sucessor, é se retirar e ficar discreto e no anonimato, descansar a imagem. Mas não foi o caso: “Começaram os amiguinhos pau-mandados a soltar a metralhadora, falar barbaridades, coisas terríveis do prefeito eleito Emil, da esposa e inclusive da vida pessoal, repetidamente inventando coisas horríveis, tudo de forma baixa, e lamentável”, reclamou afirmando que não vai mais apoiar a campanha para deputado de jeito nenhum: “Tá de mais, ninguém aguenta, o homem briga e fomenta briga e fofoca, já traiu até o Kassab, presidente do partido dele”.

Resumindo: Saulo está completamente isolado, sem apoio de lideranças diversas de suma importância, sendo que alguns até assumem trabalhar contra a candidatura, o que não poderia ocorrer jamais para qualquer um que aspire seguir com sucesso a carreira de deputado. Alguns admitem que nem conversa querem com ele.

Mantovaninni explica a situação, e diz que Saulo está redondamente enganado. Ele acha que foi ele quem elegeu o prefeito Emil Ono, mas não é verdade: “Emil Ono foi quem elegeu o Saulo, nas duas vezes, sem o apoio do Emil e do Mario (Mario Inui) o Saulo jamais seria eleito. Tanto que usou os dois como vice. Ele é ingrato.”

Sobre Bolsonaro, enviaram um áudio ao presidente de uma reunião convocada por Saulo. “Pode falar mal de mim, ele é Lula, teria dito o presidente para um membro da PRF. Um economista lamentou que o entorno do ex-prefeito tentou derrubar secretários e mudar gestores, o que segundo ele é imperdoável: “Fizeram o possível para derrubar uma secretária competente e trocar por um incompetente”, felizmente não conseguiram”, disse. Um padre revelou que a igreja está dividida, mas que prefere bem mais o estilo de Emil. Já um pastor repete o que foi dito por um ex-prefeito: “Ele te abraça sorrindo e apunhalando”, contextualizou.

Bolsonaro: “O negócio dele é com Lula, não é comigo”

Economista Betinho Antunes: A Administração Saulo foi prejudicial para até na Economia e o hospital que prometeu para novembro passado, não saiu do papel

André Mancuso, presidente do maior grupo de RH do estado; crítico, diz que o ex-prefeito é passado

Empresário Júnior de Mari: Distanciamento

Zé Machado, presidente da Câmara de Atibaia vai apoiar candidato indicado por Edmir Chedid de quem se declarou soldado

Blog do Juninho: Esquece, Não terá meu apoio

Campos Machado: Gravou vídeo criticando ex-prefeito

Aprontou muito com Sérgio Mantovanini, Empresário forte do agro- negócio, dono de empresa Viação Atibaia

Lucas Cardoso foi traído e já afirmou que não irá ajudar na eventual campanha; Tô fora

Edmir Chedid já gravou até vídeo: estilos opostos, Saulo não cumpre nada

Dr. Edison B. Leite: Médico respeitado e ex-presidente da Câmara: sem conversa

Beto Tricoli um dos mais criticados pelo ex-prefeito, e que agora precisa de apoio e não tem

Vereador de Jarinu, Tom Lorencini: Não conheço, não quero conhecer esse cara e não vou apoiar

Fernando Lorenzetti: “Fui perseguido, ameaçado, humilhado”

Fábia Santa Rosa, empresária: Afundou Atibaia com o governo dele autorizando espigões: Meu apoio não tem de jeito nenhum

Vereador Gustavo Milfont, foi um dos mais atacados

Vereador Ubiratan foi perseguido

Deputado Baleia Rossi foi traido

Ex-vereador anti-corrupção: Jorge de Jesus um dos maiores críticos do ex-prefeito

Pugliesi, empresário: Foi grande aliado, hoje Distanciamento

Waltão Chaves, ajudou e foi traido; “Sou 100% Emil Ono”

Vereador Marcão: Promessas não cumpridas

Deputado Caruso: Distanciamento

Cacá Pompeu TV Atibaia: Foi traido

Deputado Herculano quer distância

Já criou confusão até com Guilherme Campos; Foi enganado

Cau Gigliotti, Provedor da Santa Casa; ele não cumpre nada do que fala

Fernando Lorenzetti

Jornalista e colunista social. Passou por vários veículos de Imprensa, e atua como profissional de mídia, em redes sociais e no mercado editorial de revista. Por 10 anos assinou a coluna social do jornal Diário do Povo, em Campinas. Trabalhou na revista Metrópole do Correio Popular de Campinas, onde também pilotou o programa de TV " Festa, com Fernando Lorenzetti ", na Band, Rede Bandeirantes de Televisão. O jornalista colaborou com os mais importantes veículos de comunicação do país. Está no Instagran: @lorenzettifernando

Você deve estar logado para comentar Login

Deixe um comentário